quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Honduras na Copa do Mundo

Honduras conquistou a última vaga da Concacaf para a Copa do Mundo de 2010. A seleção hondurenha fez sua parte, derrotou El Salvador fora de casa por 1 a 0, e contou com um empate heróico dos Estados Unidos contra a Costa Rica para garantir vaga na competição da África do Sul.

Pavon marcou o gol da vitória de Honduras, que se classificou pela segunda vez na história para o Mundial. A outra vez que os hondurenhos participaram de uma Copa foi em 1982. A conquista desta quarta-feira também trouxe um pouco de alento ao país, que passa por uma grave crise política.

Com a vitória desta quarta-feira, Honduras conquistou a terceira colocação das eliminatórias, com 16 pontos. Já El Salvador encerrou sua participação em quinto lugar, com oito.

A classificação hondurenha só foi possível graças ao empate da Costa Rica contra os Estados Unidos. Mesmo jogando em Washington, os costarriquenhos abriram 2 a 0 no placar, mas vacilaram no segundo tempo e, com um gol aos 49 minutos, permitiram que os norte-americanos igualassem o placar.

O empate também deixou a Costa Rica com 16 pontos, mas com desvantagem no saldo de gols em relação a Honduras. Quarta colocada nas eliminatórias, a equipe comandada pelo brasileiro René Simões terá que disputar a repescagem contra o Uruguai para conquistar um lugar na Copa. Já classificados, os Estados Unidos confirmaram a primeira colocação, com 20 pontos.

Os norte-americanos ainda tiveram o desfalque o atacante Charlie Davies. O jogador sofreu um grave acidente de carro na madrugada da última terça-feira, passou por uma cirurgia de mais de 5 horas e segue internado. Uma jovem de 22 anos, que acompanhava o jogador, morreu ainda no veículo.

Os dois gols da Costa Rica saíram no primeiro tempo. Aos 11 minutos, após boa troca de passes, Ruiz recebeu pela esquerda dentro da área, se livrou da marcação e bateu na saída do goleiro. O atacante voltou a balançar as redes aos 24 minutos, quando aproveitou bela triangulação pela meia-direita, chutou forte e acertou o ângulo direito do goleiro dos EUA.

Apoiados pela torcida, os Estados Unidos dominaram o segundo tempo e pressionaram a Costa Rica. Aos 26 minutos, Donovan recebeu na área, driblou o marcador e chutou forte. Após rebote do goleiro, Bradley mandou para as redes. Através do jogo aéreo, os donos da casa acuaram os visitantes e chegaram ao empate aos 49 minutos, quando Bornstein marcou de cabeça.

Na outra partida pelas eliminatórias da Concacaf nesta quarta-feira, o México empatou com Trinidad e Tobago por 2 a 2, em partida disputada em Port of Spain. Já classificados, os mexicanos confirmaram o segundo lugar das eliminatórias, com 19 pontos. Em último lugar, com seis, os trinitinos estão eliminados.


UOL

Nenhum comentário: