quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Venezuelanos terão 3 minutos para tomar banho


Chávez pediu que a população pare de cantar no banho e que fique só três minutos sob o chuveiro para economizar energia e água. “Algumas pessoas cantam no banheiro por meia hora. Não, garotos, três minutos é mais do que suficiente. Eu contei, três minutos, e eu não tenho fedor”.

A Venezuela que investe tanto em armas, está enfrentando problemas no abastecimento de água e eletricidade, já vários blecautes aconteceram ao longo do último ano.

A economia está estagnada, o custo de vida está altíssimo, os serviços públicos deficientes, e o governo que parece incapaz de resolver os problemas, essa é a percepção dos venezuelanos, segundo pesquisa mensal realizada pela Datanalisis. A popularidade de Chávez caiu de 61% logo após o referendo em fevereiro deste ano, para 52% no mês passado.

Chávez vem “alertando” a população em seus discursos, que “esses três últimos meses do ano serão de “grande ofensiva em todas as áreas: política, social, econômica e na política interna e externa”, como se quisesse dizer que uma força maligna está agindo para desestabilizar o governo.


Prosa e Política

Nenhum comentário: