sábado, 9 de janeiro de 2010

O PNDH 3 e o futuro do Brasil


Estão gostando, peemedebistas, pepistas, perristas (de perro mesmo!), pessebistas, pedetistas? Estão sentindo o que será um governo da Dilma sem Lula? Estão vendo o que o Vanucchi, escorado na candidata, no Tarso e no José Dirceu são capazes de fazer com o país? Lula, com a doutora eleita, vai ser mandado para o exílio de São Bernardo do Campo e será congelado pelo PT. Vai ser curtido em caninha 51 sem gelo, sem o mínimo espaço.

E eles, os mesmos, aqueles mesmos, lembra deles?, farão o que quiserem. Levarão o país para um confronto. Para um conflito. Para uma total conturbação da ordem.

Michel Temer, você será pendurado em um poste, seu banana!

José Sarney, desta você não vai escapar. Você merece!

O PT sem o Lula será o Chávez multiplicado por cem
. Paguem pra ver, seus bananas! Paguem pra ver a Dilma fantoche nas mãos das ratazanas, com um Lula podre bêbado em São Bernardo do Campo.
Leia aqui os ministros batendo boca.

Sem Lula. Lula na praia. Lula com a cara cheia. É o Brasil da Dilma!




..............


O Plano Nacional de Direitos Humanos III nada mais é do que programa de governo do terceiro mandato petista. Ali está o compromisso de Dilma Rousseff de transformar o Brasil em uma ditadura de esquerda, um pouco mais refinada do que aquela pela qual ela pegou em armas, participou de atos terroristas e acabou presa nos anos setenta. Ali tem o dedo de toda a cúpula petista, enrustida e envergonhada com o que Lula não fez porque, hábil pelego, atravessou oito anos engambelando a todos os segmentos da sociedade brasileira, dos companheiros aos banqueiros. Lula, esta semana, começou a ser defenestrado até mesmo de forma acadêmica, pelo seu ex porta-voz André Singer, que escreveu um artigo onde afirma, em resumo, que o metalúrgico retirante nunca foi de esquerda e que é fruto do conservadorismo e não do avanço. Óbvio. Para a esquerda, finalmente livre de Lula, o avanço virá com Dilma e com a Comissão do Terror, formada por José Dirceu, Tarso Genro, Paulo Vanucchi, Franklin Martins, Carlos Minc e todo o aparelho ministerial montado ao longo dos últimos anos. Não se enganem não. Esta turma tem ódio do Lula. Porque Lula lhes deu fama e dinheiro, mas não lhes deu poder. Hoje, todos na casa dos sessenta, com os bolsos cheios de indenizações, bonificações e comissões, sonham em terminar a vida em um paraíso socialista, pelo que um dia pegaram em armas. O PNDH é o plano de governo da Dilma, que a fez chorar de emoção duas vezes, no dia do lançamento, com o seu novo visual a la Joana D'Arc. Choro ritualístico. Choro de compromisso. Choro de juramento. Tardiamente, militares, imprensa, agricultores e até padres estão vendo no que tudo isto vai dar. Os partidos políticos devem pensar muito bem com quem farão os seus acordos. Lula estará no exílio, bêbado, rico e feliz. Quem vai estar lá no poder será a Comissão do Terror. É com eles que os senhores e senhoras terão de se haver. Ela? Ela é só o fantoche colocado ali.
....................................................................
Atualizando: Se a esquerda terrorista não conseguir eleger a sua fantoche nas asas da popularidade de um descartável Lula, o plano será rigorosamente o mesmo. O plano B será incendiar o pais em cima das propostas do PNDH III, colocando os "movimentos sociais" nas ruas. Acordem!


coronel

Nenhum comentário: