segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Ainda sobre "pesquisas"...


Segundo informações do TSE, o "campo" da pesquisa CNT/Sensus encerrou na última sexta-feira. Hoje eles já estão divulgando os resultados.



Acima, está a amostra da Pesquisa CNT/Sensus para o Pernambuco. O estado tem 185 municípios. A amostra é feita por sorteio e Lula é um cara sortudo mesmo. Garanhuns foi sorteada, justamente a cidade onde ele nasceu. Da mesma forma a cidade de Paulista, justamente aquela onde, na mesma data em que a pesquisa era realizada, Lula inaugurava a famosa UPA 18x12. Provavelmente, muitos dos assistentes especialmente convidados para a festa responderam a pesquisa. Maravilha! Mas a sorte de Lula não acabou aí não. Dos 7 municípios pernambucanos, 3 são do PSB, justamente o partido do governador Eduardo Campos. O mais impressionante, no entanto, é que nenhum município sorteado para responder a pesquisa é governado pelo PSDB, pelo DEM ou pelo PPS. Todos são da base de governo e praticamente não tiveram oposição em 2006. Não, não vamos aqui ofender a estatística, pois nada disso inviabiliza uma amostra probabilística. Mas que o Lula é sortudo, aí isso é, vocês nao acham?

Vejam só o que aconteceu no Rio com a amostra da pesquisa CNT/Sensus, que botou a Dilma lá nas alturas, de braços abertos sobre a Guanabara. Mesmo tendo 60% mais prefeituras do que o PDT, o PSDB não conseguiu emplacar uma só cidade onde os eleitores poderiam ser mais simpáticos ao mané do Serra. Já o PDT conseguiu ser sorteado em dois municípios! Deve ser o Brizola, lá de onde estiver, intercedendo pela Dilma que um dia deixou, justamente, o PDT! São as forças ocultas do capitalismo internacional! Bem, nem falemos da sorte do PMDB do governador voador, que emplacou três municípios, além da capital, para compor uma amostra bem coxuda para a doutora. Mesmo nas duas cidades em que o DEM venceu, a oposição não conseguiu ter mais do que 50% dos votos em 2006. A tucanada tem mais é que se benzer! É muito azar, vocês não acham?


Se vocês acham que o azar do Serra tinha acabado no Pernambuco e no Rio de Janeiro, vocês têm aí em cima a amostra CNT/Sensus de São Paulo. O PSDB, o DEM e o PPS têm 48% das prefeituras paulistas. Sabe qual é o percentual na amostra probabilística aleatória da Sensus, sem a capital, que é automaticamente escolhida? Das 22 cidades paulistas que "sofreram" a pesquisa, apenas 5 são governadas pelos tucanos e pelos partidos aliados de de Serra. Apenas 23%. É muito azar. Esse Serra é mesmo um pé frio! E vejam que o PT, com apenas 10% das prefeituras, compõe 22% da amostra. Que sortudo é este Lula, voces não acham? E como se não bastasse, as cinco prefeituras petistas, tirando a Capital, que é sempre pesquisada em todos os estados, somam 1.787.000 eleitores, enquanto as quatro prefeituras tucanas somam 159.000 eleitores. Sim, porque o PT foi mais sorteado aleatoriamente pela Sensus do que o PSDB, mesmo tendo 150 prefeituras a menos. Para finalizar, este Lula tem o rabo virado para a lua! São Bernardo do Campo, cidade onde ele mora, foi aleatoriamente sorteada na amostra probabilística da Sensus! Ô, Serra, vai te benzer!

Mas, bah, tchê! No Rio Grande, então, não basta aquele ministro jacu ficar perseguindo a governadora tucana com os seus coletes pretos. Além do mais, o PT tem uma sorte estupenda nos pampas! Tem 12% das prefeituras, mas conseguiu ser sorteado em 40% da amostra da Pesquisa CNT/Sensus! Mas o pior de tudo nem te falo, que é de desesperar o vivente, a oposição conseguiu não ter nenhum município sorteado aleatoriamente pela Sensus. Este José Serra tem que mudar o nome para Arres Ésoj, pra ver se reverte a má fase. Nunca na história deste país um político teve tanto azar, mas tanto azar, que dá até para desconfiar. Não, da amostra não, a amostra é aleatória probabilística!!! Tri-legal!


Longe de mim brigar com a estatística, pois os números não mentem jamais. Vejam acima que interessante: o PT tem 10,0% das prefeituras no Brasil, mas teve a sorte de ser escolhida aleatoriamente para ter 17,8% cidades dirigidas pelo partido pesquisadas pela CNT/Sensus. Poderíamos dizer que o PT teve uma sorte de 78% a mais do que o normal. Já o PSDB e o DEM, que comandam 23% das cidades brasileiras, tiveram apenas 14% das cidades por eles dirigidas selecionadas para compor a amostra da pesquisa CNT/Sensus. Tiveram um azar de quase 40% a mais do que o normal. Entre todos os partidos, ninguém teve mais sorte do que o PT. E ninguém teve mais azar do que o DEM e o PSDB. Mera casualidade, vocês não acham? Longe de mim brigar com a estatística e com a tal amostra aleatória probabilística que garantiu números que desempacaram a Dilma. Agora, pergunta lá para a CNT/Sensus se eles topariam fazer uma pesquisa invertendo a amostra. A resposta seria uma só: aqui, ó, Arres Ésoj!


Coronel

Nenhum comentário: