quarta-feira, 3 de março de 2010

Lula afirma que aumentar aposentados é "farra do boi".



BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez nesta quarta-feira, 3, um apelo aos parlamentares para que, em um ano eleitoral, não sejam tomadas decisões apenas com intuito de ganhar votos. "Aproveito o momento para fazer um apelo aos deputados e senadores que não é porque estamos em época eleitoral que vai se praticar a farra do boi. Não é banalizando decisões que se vai ganhar votos. É preciso ter juízo em ano eleitoral. Não se pode prometer mundos e fundos. A sociedade brasileira sabe que as conquistas foram resultado de um trabalho sério. Se dermos sinais de que a farra do boi vai começar, vamos perder a imagem de país sério", disse o presidente em rápida entrevista, ao comentar a decisão da Câmara dos Deputados de incluir uma emenda no projeto que cria o Fundo Social do pré-sal, que permite a utilização de parte do fundo para o reajuste de aposentadorias de valor superior a um salário mínimo.

Questionado se vetaria a emenda, caso ela fosse confirmada pelo Senado, Lula disse: "Vamos esperar chegar (a medida para sanção). O presidente só se pronuncia quando o assunto chega as suas mãos".

O governo federal lançou nesta quarta-feira o Portal Brasil, que reúne todas as informações dos sites de governo em um só portal. Durante a solenidade de lançamento, o presidente Lula chamou o site de "Google nacional, totalmente brasileiro". "Qualquer brasileiro poderá ter informação, não existirá mais segredo das coisas que estamos fazendo. Não é portal do presidente Lula ou deste governo. É um portal do Brasil para o Brasil", definiu.


Estadão


Hoje Lula investiu contra os parlamentares que aprovaram que parte dos recursos do pré-sal deverão ser aplicados na recomposição dos ganhos dos aposentados, que foram achatados violentamente durante o seu governo. O país nadou em dinheiro, ajudou os pobres da Bolívia, Cuba e Equador, mas matou os aposentados à mingua. Lula, que recebe várias aposentadorias e gasta uma média de R$ 500 mil mensais no cartão corporativo, não está preocupado.

Nenhum comentário: