terça-feira, 13 de abril de 2010

As gafes de Dilma em 2 semanas

Deslizes da petista:

5 de abril:
Na posse do senador Alfredo Nascimento como presidente do PR, Dilma elogia e tira fotos com ex-governador do Rio, Anthony Garotinho, adversário direto de seu maior aliado no Estado, o governador Sérgio Cabral Filho (PMDB). "O Garotinho é um parceiro antigo, do tempo do PDT", disse.

6 de abril:
Em Minas, Dilma visitou o túmulo de Tancredo Neves. Foi chamada de oportunista pela oposição, já que o PT não apoiou a articulação política que levou Tancredo a ser escolhido como presidente, em 1985.

10 de abril:
Em discurso em São Bernardo, Dilma fez um comentário interpretado como uma crítica aos que deixaram o País durante a ditadura, como José Serra. "Eu não fujo quando a situação fica difícil. Eu não tenho medo da luta". O comentário irritou até aliados da petista, já que muitos foram exilados

Nenhum comentário: