sexta-feira, 18 de junho de 2010

Banda larga móvel ultrapassa pela primeira vez a fixa no Brasil


SÃO PAULO - Os usuários de banda de larga móvel ultrapassaram pela primeira vez os usuários de banda larga fixa, segundo levantamento divulgado nesta sexta-feira, 18, pela empresa de soluções de telecomunicações Huawei, em parceria com a consultoria Teleco. As adições líquidas de acessos a banda larga móvel somaram 4,9 milhões no primeiro trimestre, o que elevou a base de clientes a 11,9 milhões de clientes. Já o total de assinantes da banda larga fixa encerrou o primeiro trimestre em 11,8 milhões de clientes.

Segundo o levantamento, o avanço da banda larga móvel sobre a fixa foi impulsionado, principalmente, pelos celulares 3G, que saltaram de 1,5 milhão de janeiro a março de 2009 para 8,7 milhões no mesmo período deste ano. No caso das conexões de banda larga com modems 3G, o incremento no período superou os 100%, atingindo 3,2 milhões de usuários.

A pesquisa constatou ainda que os planos com pacotes de 500MB e 1GB custam, em média, R$ 69,90 e R$ 84,90 respectivamente. Como comparação, na Argentina é possível pagar o equivalente a R$ 31,65 por 500MB, enquanto no Reino Unido o custo do plano de 3GB equivale a R$ 39,94.

Em março de 2010, a cobertura da banda larga móvel no Brasil já era superior aos compromissos estabelecidos para 2012, atingindo 13,1% dos municípios. Todas as capitais e municípios com mais de 500 mil habitantes passaram a ser atendidos por quatro operadoras.

As projeções da Huawei são de que até o final do ano o número de clientes com banda larga móvel atinja 18 milhões, enquanto os da fixa cheguem a 13 milhões.




Estadão

Nenhum comentário: