sexta-feira, 6 de agosto de 2010

A despedida de Álvaro Uribe

BOGOTÁ - Em seu último pronunciamento à nação, o presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, pediu a seus compatriotas apoio para o governo que seu ex-ministro da Defesa, Juan Manuel Santos, que assume no sábado o poder, e fez um balanço de seus oito anos de gestão.

O presidente pediu perdão pelos erros que possa ter cometido e pelo que não pôde fazer, mas também ressaltou os pontos positivos de sua gestão. " As boas sementes foram semeadas, mas os erros são meus", disse Uribe.

Uribe enviou pela televisão uma mensagem de despedida aos colombianos a dois dias de deixar a Presidência, à qual chegou em agosto de 2002, depois de ser eleito pela primeira vez nas urnas por maioria absoluta.

"Apoiemos todos o presidente Juan Manuel Santos, seu governo, para que seja uma etapa de grande prosperidade para a pátria, com igualdade", disse Uribe, após agradecer o apoio que recebeu nestes anos dos membros de seu Governo, de seus colaboradores e especialmente da Polícia e das Forças Armadas.

Para Uribe, os colombianos precisam de "uma nação segura, com Forças Armadas eficazes e uma sociedade desarmada", ao mencionar os esforços realizados na luta contra as guerrilhas colombianas.

"Demos pouca atenção às tentações de engano, de convite ao diálogo pelos terroristas, mas demos todo nosso amor ao diálogo fraterno com os colombianos de bem", disse, ao apostar que "depois das manchas da violência de dois séculos, as futuras gerações viverão felizes".

Durante sua mensagem solene gravada anteriormente, o presidente fez referência aos avanços em matéria de segurança, assim como ao desenvolvimento econômico que permitiu à Colômbia se tornar um atrativo destino de investimento estrangeiro.

Uribe, que governou os colombianos durante oito anos e que abandona a Presidência com 75% de popularidade, falou individualmente a cada um 32 departamentos que formam o país e teve palavras de reconhecimento e exaltação de seus valores para cada um deles.



Estadão

Um comentário:

A Língua! disse...

Oi, visite o meu blog para ver a foto abafada da filha-dilma-puta quadrilheira com fuzil ao lado esquerdo dela. Eu copiei a foto num vídeo publicado e o resultado saiu melhor do que o esperado. O link é www.alingua.blogspot.com.

Pode copiar a matéria e colá-la aqui.

Abração de A Língua! ;-)