quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Desempenho real da poupança é o pior desde 2003


Levantamento divulgado nesta quarta-feira (8) pela consultoria Economatica aponta que, em novembro, a poupança teve o pior desempenho real (que desconta a perda da inflação na rentabilidade) desde março de 2003.

A rentabilidade de 0,535% observada na poupança no mês, quando descontados os efeitos da inflação (de 0,83%, pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo, a inflação oficial), se transforma em perda de poder aquisitivo de - 0,29% para o poupador, estima a consultoria.

De acordo com a consultoria, que calcula a rentabilidade mensal da poupança desde janeiro de 2003, o resultado de novembro foi o quarto pior desempenho nesse período.

"Podemos afirmar que o poupador que no final de outubro de 2010 depositou, por exemplo, R$ 1000 no final do mês de Novembro de 2010 teria R$ 1.005,35. Mas da mesma maneira uma cesta básica que no final de outubro de 2010 que valia R$ 1000,00 no final do mês de Novembro de 2010 valia R$ 1008,30", diz comunicado da consultoria.

A maior perda da poupança para a inflação, informa a Economatica, foi observada em janeiro de 2003, de -1,23%. O mês de maior ganho da aplicação sobre a inflação foi em junho de 2003, com 1,07%.

desempenho real mensal da poupança,
descontada a inflação pelo ipca
Dezembro/2009 0,18%
Janeiro/2010 -0,25%
Fevereiro/2010 -0,28%
Março/2010 0,06%
Abril/2010 -0,07%
Maio/2010 0,12%
Junho/2010 0,56%
Julho/2010 0,61%
Agosto/2010 0,55%
Setembro/2010 0,12%
Outubro/2010 -0,20%
Novembro -0,29%
Fonte: Economatica





G1

Nenhum comentário: